CRÔNICA


O Ódio morreu de Ódio! O Amor venceu!




O Amor encontrou o Ódio e perguntou pela Paixão:


- "Onde a encontro? Por que a escondestes de mim"?


O Ódio respondeu:


- "Porque é minha a Paixão".


E o Amor retrucou:


- "Mas você já perguntou a ela com qual de nós dois ela quer ficar"?


E eis que surge o impasse: A Paixão deve terminar em Ódio, ou a Paixão deve terminar em Amor?


E o Ódio respondeu: - "Vamos disputa-la por meio da força"!


E eis que surge o segundo dilema: Quem é mais forte o Amor ou o Ódio?


E o Amor respondeu: - "Ok, quais serão os critérios"?


E o Ódio disse: - "O que o Amor tem de mais precioso"?


E completou: - "O que o Ódio tem de mais precioso é a destruição"!


E o Amor respondeu: - "Assim ficou fácil! O que o Amor tem de mais precioso é a construção! Portanto, a Paixão deve ficar com o Amor e fim de papo"!


E o Ódio se irou:  "Por que você acha que a construção é mais forte que a destruição"?


- "Oras a destruição é a aniquilação de tudo o que há, inclusive do Ódio"! Respondeu o Amor...


E completou: - "O Ódio é uma força aniquiladora que por si só se destrói"!


E o Ódio morreu de Ódio!

Fim!

Questionário: No texto acima qual a conotação da palavra Paixão?


( ) 1- AMOR
( ) 2- ÓDIO
( ) 3- AMBAS RESPOSTAS SÃO VERDADEIRAS

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CIÊNCIA - ONDAS ELETROMAGNÉTICAS CEREBRAIS:

O mercado de trabalho não existe sem elas:

DARTH VADER: O VILÃO QUE JÁ FOI HERÓI